telefone(85) 4009.6300

Presidente Ricardo Cavalcante assina parceria para capacitação de 3600 internos do sistema prisional

21/09/2020 - 13h09

Na manhã desta segunda-feira (21/9) o Instituto Penal Francisco Hélio Viana de Araújo (IPFHVA), em Pacatuba, foi palco de uma boa notícia para o Estado do Ceará: a assinatura oficial de uma parceria entre Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI Ceará) e Secretaria de Administração Penitenciária (SAP), para o início do Programa de Capacitação Profissional e Implementação de Oficinas Permanentes (PROCAP). O objetivo é a reinserção de pessoas privadas de liberdade na sociedade, por meio da qualificação profissional, com a oferta de vagas em cursos de qualificação profissional em diversos segmentos tecnológicos. No total, serão capacitados 3.600 alunos, distribuídos em oito unidades prisionais, localizadas na Região Metropolitana de Fortaleza, Sobral e Juazeiro do Norte. A ação é mais uma etapa do projeto Sou Capaz, que capacitou 4 mil internos em 2019.

O presidente da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC), Ricardo Cavalcante, e o secretário de Administração Penitenciária (SAP), Mauro Albuquerque, realizaram a assinatura e aproveitaram a ocasião para discutir outras ações que possam contribuir com a ressocialização dos internos. “Precisamos nos unir. Este é um lado social no qual as indústrias precisam avançar e dar a sua contribuição. Ficamos honrados em proporcionar oportunidades para que estas pessoas saiam com mais chance de emprego e dignidade”, disse o presidente Ricardo Cavalcante.

Na ocasião, eles visitaram a unidade móvel de panificação, que está alocada no IPFHVA Pacatuba para as aulas do programa. “O SENAI é uma das maiores escolas de educação profissional do mundo, então aproveitem essa oportunidade de garantir esse certificado”, disse o secretário aos alunos.

As primeiras 12 turmas iniciaram no último dia 8, contemplando 240 alunos. “Ao final das 160 horas/aula, serão montadas oficinas nos locais para que eles possam trabalhar e exercitar os conhecimentos adquiridos. Assim, os alunos de panificação, por exemplo, poderão fazer os pães que serão consumidos na própria unidade; os alunos de corte e costura poderão fazer os uniformes utilizados, e assim por diante”, explicou Sônia Parente, gerente de educação do SENAI Ceará.
 
A visita foi acompanhada pela coordenadora de Inclusão Social do Preso e do Egresso da SAP, Cristiane Gadelha, pelo diretor regional do SENAI Ceará, Paulo André Holanda, pela superintendente do SESI Ceará, Veridiana Soarez, e pela coordenadora de Desenvolvimento e Carreiras do IEL Ceará, Mariana Fortaleza.

Acompanhe o Sistema FIEC nas redes sociais:

  • CENTRO INTERNACIONAL DE NEGÓCIOS: Facebook
Sistema FIEC - Sistema Federação das Indústrias do Estado do Ceará
Av. Barão de Studart, 1980 - Aldeota - Fortaleza/CE - CEP: 60.120-024
POLÍTICA DE PRIVACIDADE & COPYRIGHT