telefone(85) 4009.6300

20° Energia em Pauta reunirá empresas associadas ao Sindienergia para bate-papo sobre o mercado livre de energia e a importância dessa modalidade para os negócios

21/11/2022 - 16h11

Toda empresa almeja ser mais competitiva no mercado. E, levando em consideração que o custo com energia elétrica está entre as três maiores despesas em boa parte dos negócios, buscar maneiras de economizar com esse importante insumo é fundamental para o crescimento das indústrias. Hoje, uma das grandes oportunidades nesse sentido é a migração para o mercado livre de energia, modalidade já disponível para negócios da alta tensão com consumo superior a 500 kW e que será ampliada a partir de 2024 para toda a alta tensão. Para tratar dessa importante oportunidade, a 20ª edição do Energia em Pauta, evento mensal realizado pelo Sindicato das Indústrias de Energia e de Serviços Elétricos do Estado Ceará (Sindienergia-CE) em parceria com a FIEC e o Sebrae, abordará na terça-feira, 29 de novembro, às 17 horas, o “Mercado Livre de Energia”, um tema extremamente atual e relevante para todos os setores da indústria. A discussão será transmitida ao vivo, direto do Observatório da Indústria da FIEC, para o público interessado, por meio do canal do Sindienergia no YouTube (Sindienergia CE).

Para a abordagem, o Sindienergia e o Sistema FIEC receberão representantes das seis empresas associadas ao sindicato que atuam no mercado livre de energia: 2W Energia, Elétron Energy, Kroma Energia, Soma Energia, Tendência Energia e Vessel, promovendo, além de uma rica explanação sobre o tema, a oportunidade de gerar grandes negócios, em um mercado capaz de proporcionar muito mais economia, competitividade e previsibilidade para as empresas. O evento será moderado pelo presidente do Sindienergia, Luis Carlos Queiroz. “Todos os sindicatos filiados à Federação e empresários são convidados a participar, pela abrangência e interesse coletivo que o assunto desperta”, destaca Queiroz.

Dentre os subtemas desta edição: o mercado livre de energia e as vantagens para a redução de custos na indústria; diferenças entre o Mercado Cativo e o Mercado Livre; critérios atuais para uma empresa se tornar um cliente do mercado livre; perspectivas de abertura do mercado livre para todos os clientes de alta e baixa tensão; o papel e a importância da Assessoria de Gestão Energética e o Comercializador Varejista de energia.

No mercado livre de energia, o comércio ou indústria negocia a compra da energia diretamente com o comercializador ou gerador, em negociações bilaterais. A transação é completamente diferente da realizada no mercado cativo, onde a energia é adquirida exclusivamente junto à distribuidora que atua na região. O cliente, portanto, fica sujeito aos valores cobrados e ao engessamento do mercado regulado. O custo da energia no mercado livre é cerca de 27% menor que no mercado regulado, cuja energia é majoritariamente produzida nas hidrelétricas e termelétricas, fontes muito mais onerosas. Já no mercado livre a energia é oriunda de fontes de energia limpas – eólica e solar.

Os interessados em acompanhar a discussão do 20° Energia em Pauta devem realizar a inscrição por meio do link, disponível também no perfil do Sindienergia-CE no Instagram (@sindienergiaceara).

Acompanhe o Sistema FIEC nas redes sociais:

ESG: Governança Ambiental, Social e Corporativa - Environmental, Social, and Corporate Governance

Ambiental

6 Água potável e saneamento 7 Energia acessível e limpa 9 Indústria, inovação e infraestrutura 11 Cidades e comunidades sustentáveis 12 Consumo e produção responsáveis 13 Ação contra a mudança global do clima 14 Vida na água 15 Vida terrestre

Social

1 Erradicação da pobreza 2 Fome zero e agricultura sustentável 3 Saúde e bem-estar 4 Educação de qualidade 5 Igualdade de gênero 6 Água potável e saneamento 8 Trabalho decente e crescimento econômico 9 Indústria, inovação e infraestrutura 10 Redução das desigualdades 12 Consumo e produção responsáveis 16 Paz, justiça e instituições eficazes

Governança

5 Igualdade de gênero 8 Trabalho decente e crescimento econômico 9 Indústria, inovação e infraestrutura 11 Cidades e comunidades sustentáveis 12 Consumo e produção responsáveis 13 Ação contra a mudança global do clima 16 Paz, justiça e instituições eficazes 17 Parcerias e meios de implementação
FIEC - Federação das Indústrias do Estado do Ceará
Av. Barão de Studart, 1980 - Aldeota - Fortaleza/CE - CEP: 60.120-024 - CNPJ: 07.264.385/0001-43
Política de Privacidade & Copyright