telefone(85) 4009.6300

CIN publica estudos setoriais em comércio exterior da indústria de moda no Ceará

07/11/2022 - 14h11

O Centro Internacional de Negócios (CIN), da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC) divulgou, nesta quinta-feira (03/11), quatro estudos setoriais em comércio exterior sobre a indústria da moda no Ceará. Os dados dizem respeito ao período de janeiro a setembro de 2022 e foram coletados até o dia 13 de outubro. Constam dados dos setores de Calçados, Confecção, Couros e Têxtil.

No setor de calçados, houve expansão de 39,2% nas exportações, efeito do grande polo calçadista do Estado. Enquanto, entre janeiro e setembro do ano passado, foram comercializados externamente cerca de US$ 159 milhões; em igual período deste ano, o número subiu para US$ 221,4 milhões. Os calçados de borracha puxaram o índice para cima, tendo como principal parceiro comercial os Estados Unidos. Sozinho, o país nortenho foi o responsável por receber o equivalente a US$ 62 milhões em calçados cearenses.

O setor de confecções também apresentou crescimento positivo nas exportações em 2022, com aumento de 30,8% nos nove primeiros. Foram US$ 4,1 milhões exportados frente a US$ 3,1 milhões em igual período de 2021. Já as importações caíram cerca de 74,5% na comparação supracitada. As exportações estão concentradas em produtos como sutiãs, maiôs e biquínis, além de espartilhos, suspensórios e ligas. 

No setor têxtil, foi observado uma leve queda nas exportações de 2,3%. Em 2021, foram exportados o equivalente a US$ 41,2 milhões; em 2022, o valor acumulado nos nove primeiros meses do ano foi de US$ 40,2 milhões. As importações, por outro lado, subiram 2,8%. Os principais produtos exportados foram tecidos de algodão e outros tecidos de algodão, cujo destino foi, principalmente, para países como Colômbia, Argentina e Peru.

Por fim, o setor de couro também apresentou queda, com equivalência de 33,8% entre 2021 e 2022. Se no ano passado, foram vendidos para outros países do mundo cerca de US$ 36,1 milhões, no atual, foram cerca de US$ 23,9 milhões. O produto vendido majoritariamente é representado por outros couros e peles inteiros de bovinos. Estados Unidos, Itália e Vietnã se destacam como principais parceiros comerciais.

Veja os estudos setoriais completos no site do Centro Internacional de Negócios, clicando AQUI.

Acompanhe o Sistema FIEC nas redes sociais:

ESG: Governança Ambiental, Social e Corporativa - Environmental, Social, and Corporate Governance

Ambiental

6 Água potável e saneamento 7 Energia acessível e limpa 9 Indústria, inovação e infraestrutura 11 Cidades e comunidades sustentáveis 12 Consumo e produção responsáveis 13 Ação contra a mudança global do clima 14 Vida na água 15 Vida terrestre

Social

1 Erradicação da pobreza 2 Fome zero e agricultura sustentável 3 Saúde e bem-estar 4 Educação de qualidade 5 Igualdade de gênero 6 Água potável e saneamento 8 Trabalho decente e crescimento econômico 9 Indústria, inovação e infraestrutura 10 Redução das desigualdades 12 Consumo e produção responsáveis 16 Paz, justiça e instituições eficazes

Governança

5 Igualdade de gênero 8 Trabalho decente e crescimento econômico 9 Indústria, inovação e infraestrutura 11 Cidades e comunidades sustentáveis 12 Consumo e produção responsáveis 13 Ação contra a mudança global do clima 16 Paz, justiça e instituições eficazes 17 Parcerias e meios de implementação
FIEC - Federação das Indústrias do Estado do Ceará
Av. Barão de Studart, 1980 - Aldeota - Fortaleza/CE - CEP: 60.120-024 - CNPJ: 07.264.385/0001-43
Política de Privacidade & Copyright