telefone(85) 4009.6300

Com parceria do Sindpan, SENAI Ceará conclui mais uma turma de padeiros do Programa Emprega Mais

20/09/2022 - 19h09

Voltar a se sentir útil foi uma das conquistas que o senhor Esmerindo Camelo jamais vai esquecer. Ele foi prestigiado, nesta sexta-feira, (16/09), ao concluir o curso profissionalizante de padeiro. “Quando soube do curso, fiquei muito interessado! Foi a chance que eu tive, aos 64 anos, de poder me qualificar profissionalmente mais uma vez. Eu já sou operador de máquinas de tecido, mas estava afastado, há 30 anos e, agora, penso em voltar a ter a carteira de trabalho assinada”.

A oportunidade veio com o Programa Emprega Mais, em uma união de esforços entre o SENAI Nacional e o Ministério da Economia, tendo a parceria do Sindicato das Indústrias de Panificação e Confeitarias do Estado do Ceará (Sindpan) e da empresa M. Dias Branco. “Essa é mais uma iniciativa na qual o SENAI Ceará fortalece o conceito da aprendizagem industrial aliada à inclusão social. Estamos muito felizes em poder contribuir para esse momento”, contou a Analista educacional do SENAI Jacarecanga, Evelyne Lima.

A Analista de Sustentabilidade da M. Dias Branco, Vitória Gadelha, também comemorou o momento. "Fico muito honrada em participar de momentos como esse, a concretização de sonhos, desenvolvimento humano e profissional de 13 alunos do curso de panificação. Que diante de vários desafios pessoais concluíram o curso e estão prontos para o mercado de trabalho. Nós da M Dias Branco, temos o compromisso social de alcançar 150 mil pessoas com programa de empreendedorismo e profissionalização no Brasil."

Ao longo de um mês e meio, o trabalho foi motivo de muito orgulho para a instrutora da turma Anne Kamilly. “Foi uma experiência muito enriquecedora, não só do ponto de vista profissional, mas sobretudo, pessoal  e espiritual. A gente vibrou com cada conquista dos nossos alunos - todos donos de histórias de superação”, conta.

A turma é formada por pessoas que há bem pouco tempo viviam em situação de rua e foram acolhidas pela Obra Lumen, entidade ligada à Igreja Católica, que desempenha um projeto social há 30 anos. Em um ano, eles passam por 7 unidades diferentes até serem transferidos para o Condomínio Espiritual Uirapuru, no bairro Castelão, onde recebem todo o suporte psicológico, espiritual e social. “É uma alegria muito grande toda essa experiência de comunhão e unidade com outras comunidades, instituições e organismos, que se unem a esses irmãos”, disse Edwin Costa, que faz parte do projeto social.

A cerimônia de conclusão foi prestigiada por empresários e representantes do Sindpan. O empresário Rodrigo Viriato lembrou que já contratou outros profissionais formados pelo projeto e está otimista em relação à possibilidade de assinar mais carteiras de trabalho. “Nós temos a tradição de acreditar na essência do ser humano como protagonista da capacidade de desenvolvimento em todas as áreas. Nesse sentido, esperamos aumentar o número de acolhidos e estamos bastante otimistas, em relação à essa nova turma de concludentes”, disse.

Para a executiva do Sindpan, Sue Ellen Catunda, o programa viabiliza o crescimento do setor econômico. “Com certeza, esse curso vai viabilizar mão de obra qualificada para as padarias, o que fortalece toda a cadeia econômica do nosso setor, propiciando crescimento e inovação”, argumentou.

Ao conversar com os concludentes, o Vice-Presidente do Sindpan, Alex Martins, os encheu de esperança. “Todos os dias, nós temos informações que os empresários estão precisando de mão de obra qualificada. Pode ter certeza: se vocês quiserem, as carteiras de trabalho de todos serão assinadas”, concluiu.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Acompanhe o Sistema FIEC nas redes sociais:

FIEC - Federação das Indústrias do Estado do Ceará
Av. Barão de Studart, 1980 - Aldeota - Fortaleza/CE - CEP: 60.120-024 - CNPJ: 07.264.385/0001-43
Política de Privacidade & Copyright