telefone(85) 4009.6300

Turma de mulheres Eletricistas do Programa EMPREGA MAIS recebe PSAI para uma ação que aborda violência doméstica

24/05/2022 - 13h05

Três líderes do Grupo Mulheres do Brasil, núcleo Fortaleza, participaram, nesta quarta-feira, 18/05, de uma roda de conversa com alunas do curso de Eletricista do programa Emprega Mais. A iniciativa faz parte de uma ação do Programa SENAI de Ações Inclusivas (PSAI) que tem o objetivo de valorizar os grupos que sofrem algum tipo de discriminação no mercado de trabalho. A mediação realizada abordou a violência doméstica - um tema atual e que demanda um envolvimento maior da sociedade, com o objetivo de propagar a igualdade dos direitos e favorecer maior de justiça social.

As alunas, moradoras do Bairro Curió, na capital integram o Programa EMPREGA MAIS, uma parceria entre o Ministério da Economia e o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI), voltada para a qualificação profissional de pessoas desempregadas, que são indicadas pela indústria Naturágua.

Em uma tarde descontraída, vários assuntos foram abordados de forma didática. As mulheres utilizaram figuras e outros meios lúdicos para contar o que sentiam, além de difíceis experiências já vividas. Elas relataram o sofrimento da violência não só física, mas também psicológica, humilhações, além de como os papéis de mãe e chefe de família impactam na hora de conseguir uma vaga no concorrido mercado de trabalho. “É notória a relevância da presente parceria institucional, especialmente por fomentar o debate acerca da temática da violência doméstica e familiar contra a mulher”, afirmou a professora Mestre Sílvia Rebeca Sabóia Quezado, pesquisadora no Insight Data Science Lab, da Universidade Federal do Ceará (UFC). 

Na temática, “Violência doméstica e familiar, mecanismos e instrumentos da Lei Maria da Penha”, as alunas do SENAI Ceará aprenderam sobre os direitos das mulheres, são orientadas a identificar as formas de violência previstas na lei e conhecem o Painel da Mulher (Software Proteção na Medida). “Importa frisar que as instituições parceiras visam efetivar ações de enfrentamento a qualquer violência em desfavor da mulher por meio da educação e em prol de uma sociedade alicerçada em uma cultura de paz”, reforçou a professora.

Acompanhe o Sistema FIEC nas redes sociais:

FIEC - Federação das Indústrias do Estado do Ceará
Av. Barão de Studart, 1980 - Aldeota - Fortaleza/CE - CEP: 60.120-024 - CNPJ: 07.264.385/0001-43
Política de Privacidade & Copyright