telefone(85) 4009.6300

Ricardo Cavalcante apresenta programa de certificação ESG-FIEC para colaboradores da federação

11/05/2022 - 16h05

Na tarde desta terça-feira (10/05), o Presidente da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC), Ricardo Cavalcante, e o Núcleo ESG da instituição, apresentaram, na Casa da Indústria, o Programa de Certificação ESG-FIEC para os colaboradores da instituição.

O Programa ESG-FIEC foi instituído com o propósito de contribuir para a disseminação  da cultura de sustentabilidade na indústria cearense, a partir de políticas e ações que reduzam os impactos ambientais de seus processos, valorizem o seu capital humano e fortaleçam a sua estrutura de governança.

Além do Presidente, participaram da apresentação o Vice-Presidente da instituição e líder do programa ESG/FIEC, Jaime Bellicanta; o Superintendente Regional do SESI Ceará e Diretor Regional do SENAI Ceará, Paulo André Holanda; o Superintendente de Relações Institucionais da FIEC, Sérgio Lopes;  a Coordenadora do Núcleo ESG-FIEC, Alcileia Farias e o Assessor do Núcleo, Leonardo Lima.

Ricardo Cavalcante iniciou o evento com palavras de entusiasmo, reforçando o forte interesse da FIEC em fazer as ações do Núcleo acontecerem de forma inovadora, focando no bem-estar coletivo. “Nos últimos dias, eu recebi a visita de dois Diretores da Federação do Mato Grosso do Sul, do Presidente da Federação de Roraima, que é também Presidente da Ação Pró-Amazônia, que congrega os 9 Estados do norte brasileiro, além do Presidente da Federação de Santa Catarina, e todos, sem exceção, bateram palmas pelo nosso lançamento do ESG. Somos a primeira Federação do país a lançar essa certificação”, ressaltou com orgulho Cavalcante.

Ainda de acordo com o Ricardo Cavalcante, estar em sintonia com o que acontece no mundo demonstra agir e pensar à frente. “Eu peço a vocês para começarem a pensar nessas três letrinhas. Elas, com certeza, dominarão o mundo nos próximos 15 anos”, reforçou.

Após a fala do Presidente, Jaime Belicanta apresentou um pouco da proposta do Núcleo e agradeceu pela oportunidade de estar à frente, juntamente com Alcileia Farias, de um projeto tão grandioso. “Vocês todos são parceiros da Federação. Nós queremos que vocês tenham na veia, no sangue, o ESG. Vocês serão os nossos porta-vozes. Nós devemos ser o exemplo em termos de certificação. O ESG veio para ficar”, pontuou Belicanta.

Os momentos finais da apresentação contaram com a apresentação da Coordenadora do Núcleo ESG-FIEC. Alcileia Farias mostrou, de uma forma didática e bem leve, por meio de vídeo e slides, os pontos principais do ESG.

A Coordenadora apresentou o Programa de Certificação que tem como principal objetivo ser referência no desenvolvimento e na implementação da cultura ESG e suas práticas nas indústrias de pequeno, médio e grande porte.“O acrônimo ESG significa Environmental, Social and Corporate Governance (traduzido para o português: Ambiental, Social e Governança Corporativa). É o modo que o mercado avalia e seleciona uma empresa pela sua conduta responsável com o meio ambiente, seu compromisso com o desenvolvimento socioeconômico e sua postura na condução dos negócios sob o ponto de vista de mitigar riscos e obter oportunidades”, ressaltou.

Nesse sentido, Alcileia Farias mostrou a todos a dinâmica do programa e todo o processo de certificação, que pode durar até doze meses, período em que as indústrias buscarão atender os critérios e indicadores do Programa, assim como evidenciar suas práticas dentro de um plataforma online totalmente segura e de fácil operação.

Durante toda a apresentação, também foram apresentados os riscos e as oportunidades que permeiam a agenda ESG, assim como as razões que justificam a conquista do SELO ESG-FIEC, entre elas: evitar greenwashing, considerando a imparcialidade na validação das conformidades realizadas por uma auditoria de terceira parte; possibilitar identificar riscos socioambientais, reduzindo possíveis perdas e prejuízo; oportunizar novos negócios, novos parceiros, novos clientes e novos investidores, e com isso contribuir com sua perenidade a longo prazo; assim como contribuir, efetivamente, na valorização da imagem da marca e da empresa junto ao mercado, aumentando a rentabilidade aos negócios.

Segundo a Coordenadora, "diante de todo o cenário ambiental, social e geopolítico vivenciado atualmente, é imperativo que se pense de forma mais sustentável, tendo como certeza que os recursos naturais são limitados, o perfil do consumidor atual é diferente e que as organizações precisam adaptar-se a essa nova forma de se fazer negócios. E, diante destes contextos, a atual gestão da Federação dá ao conceito de sustentabilidade toda a importância que ele exige, tanto no ambiente corporativo, quanto no ambiente industrial em si. O Núcleo ESG-FIEC ganha ainda mais relevância, quando tem como desafio influenciar o comportamento ecológico, social e econômico dos mais diferentes núcleos da instituição, que será modelo para outras instituições, que assim como a FIEC, já percebeu que o futuro é hoje” concluiu Alcileia Farias.

Acompanhe o Sistema FIEC nas redes sociais:

FIEC - Federação das Indústrias do Estado do Ceará
Av. Barão de Studart, 1980 - Aldeota - Fortaleza/CE - CEP: 60.120-024 - CNPJ: 07.264.385/0001-43
Política de Privacidade & Copyright