telefone(85) 4009.6300

Atividade industrial cearense permanece em alta

17/02/2021 - 13h02

A pesquisa dos Indicadores Industriais, realizada pelo Observatório da Indústria da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (FIEC), em parceria com a Confederação Nacional da Indústria (CNI), revela que a atividade industrial cearense continuou em alta em novembro de 2020, apesar de ter ocorrido uma desaceleração no crescimento. Os índices de horas trabalhadas na produção, emprego, massa salarial real e rendimento médio real registraram variações positivas. Já os indicadores faturamento real e utilização da capacidade instalada (UCI) recuaram. Confira a pesquisa completa AQUI.

Novembro de 2020 expressou uma continuidade da retomada industrial, assegurada por programas de manutenção da renda, como o auxílio emergencial. Além disso, mais de 3 mil empregos foram gerados, no período analisado, pelas indústrias cearenses. Diante desse cenário positivo, os empresários demonstraram otimismo para os próximos seis meses em relação à demanda, emprego, compra de matérias-primas e exportações.

Segundo a pesquisadora do Observatório da Indústria da FIEC, Eduarda Mendonça, mesmo com esses esforços, a produção física industrial, acumulada de janeiro a novembro, continua negativa. "O setor precisa que a recuperação econômica continue crescente em 2021 para reverter os danos causados pela pandemia", avalia.

Acompanhe o Sistema FIEC nas redes sociais:

Sistema FIEC - Sistema Federação das Indústrias do Estado do Ceará
Av. Barão de Studart, 1980 - Aldeota - Fortaleza/CE - CEP: 60.120-024
POLÍTICA DE PRIVACIDADE & COPYRIGHT