telefone(85) 4009.6300

Projeto #ElasporElas fica em 2º lugar em premiação da OIT

16/11/2021 - 17h11

O Projeto #ElasporElas, idealizado pela equipe do Observatório da Indústria (Sistema FIEC), SESI Ceará, Vice-Governadoria do Estado do Ceará, Grupo Mulheres do Brasil, Rede Acolhe/Defensoria Pública e Comitê de Prevenção e Combate à Violência da Assembleia Legislativa, foi premiado na Convocatória sobre Inovação, E-Formalização e Desenvolvimento de Competências da Organização Internacional do Trabalho (OIT).

O resultado foi divulgado na tarde desta quarta-feira, (10/11), no evento “Jornada de Ideias - o poder da inovação”. Na ocasião, o projeto cearense foi contemplado com o segundo lugar.

O Ceará foi o único estado do Brasil com projetos finalistas na convocatória da OIT. Além do #ElasporElas, vinculado ao Masterplan de Segurança Pública, o Sistema FIEC também foi representado na grande final por outro projeto idealizado no Masterplan da Construção e Minerais, em uma iniciativa que trata do Ambiente Virtual de Aprendizagem da Construção - AVAC, projeto encabeçado pelo Observatório, SENAI, e o Inovacon, iniciativa de inovação do Sinduscon Ceará.

“Essa é uma importante conquista que poderá auxiliar milhares de mulheres, minimizando lacunas digitais de gênero, promovendo autonomia financeira e auxiliando em uma vida livre de violência. O projeto liderou a votação popular da OIT e ficou entre os dois premiados, em conjunto com um projeto do Equador”, ressalta Mariana Biermann, Pesquisadora de Prospectiva e Cooperação Estratégica do Observatório da Indústria.

“A ideia do aplicativo #ElasporElas é atender mulheres vulneráveis. Todo o processo partiu de um diálogo com a Rede Acolhe, para pensar em uma intervenção que pudesse trabalhar com as mulheres atendidas pela Rede Acolhe, no sentido da inclusão produtiva, da diminuição da vulnerabilidade e do fortalecimento de uma rede de apoio para que elas pudessem, tanto fazer formação, como trabalhar e gerar renda para suas famílias”, reforça Thiago de Holanda, Sociólogo integrante do Projeto Rede Acolhe.

“O diferencial do aplicativo #ElasporElas é que ele vai promover o letramento digital de mulheres. Isso é importante porque vai facilitar a compreensão de todas as mulheres de como atuar, de como transitar no mundo do trabalho dentro do ambiente virtual. Nesse sentido, o aplicativo vai, através da oportunização de cursos, da captação da oferta de trabalho e renda e também da facilitação ao acesso a linhas de crédito e microcrédito, favorecer o empoderamento dessas mulheres”, acrescenta Pedrita Viana, Assessora da gerência de programas e projetos da Vice-Governadoria do Estado do Ceará.

Os dois primeiros lugares recebem, além de prêmio financeiro, apoio especializado para a criação de protótipos e implementação de suas soluções e oportunidades para fazer conexões e obter visibilidade global.

Saiba mais sobre o projeto

O Programa #ElasporElas compreende a criação de uma solução de educação digital com o objetivo de fomentar a formalização profissional de mulheres em situação de vulnerabilidade social e violência, por meio da inclusão digital, desenvolvimento do empreendedorismo e promoção da autonomia financeira.

Frente à vulnerabilidade social, violência, informalidade e ao desemprego vivenciado por milhares de mulheres, o aplicativo #ElasporElas surge como uma resposta. O projeto contempla trilhas educativas desde letramento digital, empreendedorismo e formalização, até temáticas como direitos humanos, rede de enfrentamento à violência contra a mulher e habilidades sociais para o trabalho.

O aplicativo contará também com informações sobre dispositivos sociais, linhas de microcrédito e notícias sobre vagas de emprego.

Apesar de um público-alvo inicial de 500 mulheres em situação de vulnerabilidade e vítimas de violência na capital do estado do Ceará, o aplicativo será de livre acesso para qualquer pessoa interessada.

“Nosso diferencial está na busca por acessibilidade de linguagem, na facilidade de repasse do conteúdo, nos direcionamentos em formatos de tutoriais, e tendo, em sua essência, o letramento digital”, reforça Mariana Biermann.

Sobre a OIT

A Organização Internacional do Trabalho é uma agência multilateral da Organização das Nações Unidas, especializada nas questões do trabalho, especialmente no que se refere ao cumprimento das normas internacionais.

 

Acompanhe o Sistema FIEC nas redes sociais:

FIEC - Federação das Indústrias do Estado do Ceará
Av. Barão de Studart, 1980 - Aldeota - Fortaleza/CE - CEP: 60.120-024 - CNPJ: 07.264.385/0001-43
Política de Privacidade & Copyright